Globo bate SBT e retoma os direitos da Libertadores para TV Aberta

| RODRIGO MATTOS - UOL


Libertadores voltará a ser transmitida pela Rede Globo na TV aberta Imagem: Getty Images

A Globo retomou o direito de transmitir a Libertadores em TV Aberta a partir de 2023 ao vencer a concorrência feita pela Conmebol para TV Aberta. Na TV Fechada, ESPN e Paramount levaram os dois pacotes que incluem todos os jogos da competição. O site Onefootball ficou como os highlights.

A decisão foi referendada pelo Conselho da Conmebol em reunião nesta tarde de quinta-feira (12). Foi a conclusão de um processo de concorrência conduzido pela agência FC Diez, parceira da confederação. Houve um salto no valor total arrecadado: a Conmebol conseguirá US$ 1,5 bilhão pelo ciclo da Libertadores em quatro anos com os direitos do Brasil e América do Sul.

A Conmebol e a agência decidiram dividir os direitos da Libertadores e Sul-Americana em quatro pacotes cada. Havia um de TV Aberta, dois de TV Fechada e um de highlights (melhores momentos). A produção de imagem é feita pela própria Conmebol.

No caso da TV Aberta, Globo e SBT passaram para o segundo round . A emissora carioca, em sua proposta, se comprometeu a exibir os patrocinadores da Libertadores em suas transmissões, em medida inédita. E ganhou a concorrência para retomar a competição após romper o contrato anterior. O SBT apostava no trunfo de ter salvado a Conmebol quando a Globo abandonou o contrato anterior: assumiu os direitos da Libertadores por três anos.

Houve uma disputa acirrada pelos pacotes de TVs Fechadas com vários concorrentes. Ao final de um primeiro round, sobraram ESPN (Disney), Paramount e Amazon para uma segunda disputa. A ESPN, que já detinha os direitos, ficou com um dos pacotes, e a Paramount, com outro. O site Onefootball levou os highlights da competição.

A volta da Globo para a Libertadores ocorre cerca de um ano e meio depois de a emissora romper o contrato da Conmebol. Durante a pandemia, a emissora avisou à entidade que queria rescindir o acordo com o objetivo de reduzir o valor. A confederação sul-americana, no entanto, decidiu escolher outra emissora para transmitir, no caso o SBT.

Além disso, a Conmebol entrou com um processo contra a Globo para cobrar prejuízos pelo rompimento do contrato. A ação se desenrolava em uma corte arbitral na Suíça. No final, houve um acordo para a emissora carioca pagar em torno de US$ 40 milhões para a Conmebol como indenização. Assim, poderia voltar a fazer parte das concorrências.

Depois disso, a Globo decidiu tornar estratégica a retomada da Libertadores. Fez propostas para TV Aberta e TV Fechada. Mas ficou fora da corrida na TV Fechada.

A ESPN manteve os direitos que já tem da Libertadores, enquanto a novidade foi a Paramount. A intenção do canal é bombar com o seu streaming pago. Paramount +. As duas emissoras vão dividir 155 partidas da Libertadores.

A Copa Sul-Americana voltará a ter transmissão em TV aberta, após três anos. O SBT venceu a concorrência e terá o torneio de 2023 a 2026. A competição também voltou à TV fechada, com a compra pelo Grupo Disney (ESPN e Star+) com o pacote principal, que tem preferência da escolha dos jogos, e pelo grupo Viacom (Paramount +) com o segundo pacote. Já a Libertadores será transmitida pela Globo para a TV aberta.

Com escritório comercial conjunto funcionando em Londres desde o início de abril, Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) e Uefa (União Europeia de Futebol) começam a planejar ações conjuntas e o intercâmbio entre os clubes é prioridade e considerado pelas entidades a "galinha de ovos de ouro" para os futuros acordos com velhos e novos patrocinadores.

O River Plate de Marcelo Gallardo foi eliminado ontem (11) nas quartas de final do Campeonato Argentino (versão Copa da Liga Profissional). No Monumental de Núñez superlotado, com mais de 80.000 torcedores, o gigante portenho deixou o campo envergonhado e derrotado pelo nanico Tigre por 2 a 1.

Classificado para a fase oitavas de final da Copa do Brasil após vitória por 2 a 0 sobre a Portuguesa-RJ, em Itaquera, o Corinthians agora concentra as atenções na viagem que fará a Porto Alegre e, na sequência, a Buenos Aires para enfrentar, respectivamente, Internacional e Boca Juniors.

A Conmebol deve definir nesta quinta-feira quem transmitirá a Libertadores e Sul-Americana para o próximo ciclo de 2023-2026. Para o Brasil, há concorrência na TV Aberta entre Globo e SBT; na TV Fechada, entre Espn, Amazon e Paramount. A expectativa da confederação sul-americana é de obter um valor recorde pelos direitos da competição.

O Boca Juniors é semifinalista do Campeonato Argentino (versão Copa da Liga Profissional). Fez ontem (10) sua melhor partida do ano e ganhou do Defensa y Justicia com autoridade por 2 a 0 em uma Bombonera lotada e enlouquecida que vibrou como há muito não fazia. A má fase na Argentina ficou devidamente para trás. O time comandado por Sebastián Battaglia agora soma quatro vitórias seguidas (três pelo Argentino e uma pela Libertadores). E o que é melhor: sem sofrer gols (e ainda marcou sete).

O Conselho da Conmebol aprovou as mudanças elaboradas pela direção da confederação sul-americana para punições em casos de discriminação nas competições da entidade, principalmente por parte de torcedores, mas não foi unânime. A CBF queria um pouco mais de rigor nas possíveis sanções, como a perda de pontos. As outras nove associações entenderam que, por ora, as alterações definidas podem resolver.

A derrota para o Botafogo aumentou a pressão sobre o técnico Paulo Sousa no Flamengo. Aliado a isso, as recentes declarações do ex-técnico Jorge Jesus colocaram a diretoria rubro-negra em xeque. No entanto, o meia Everton Ribeiro saiu em defesa do treinador. O jogador ressaltou que o português vem fazendo um bom trabalho com o elenco.

Uma "semana de loucos", bem típica do frenético ritmo que marca Buenos Aires. A exatos sete dias de encarar o Corinthians na Bombonera pela fase de grupos da Libertadores da América, o Boca Juniors abre os pesados portões do seu mítico estádio às 21h30 (de Brasília) de hoje (10) para enfrentar o Defensa y Justicia pelas quartas de final do Campeonato Argentino (versão Copa da Liga Profissional). A ESPN 4 mostra ao vivo para o Brasil, com narração de Luiz Carlos Largo e comentários de Lucho Silveira.

O Flamengo não passa apenas por uma fase ruim no campo. Para deixar a situação ainda mais difícil, o clube passa por um momento delicado quando o assunto é o Departamento Médico. Com o setor lotado, Paulo Sousa tem tido dificuldades não só para montar o time, mas também para manter o rodízio no elenco diante de tantos jogos em um calendário apertado.

Cássio está em alta no Corinthians. Em contagem regressiva para ultrapassar Ronaldo Giovanelli e se tornar o goleiro com mais jogos na história do clube do Parque São Jorge (restam 18 partidas para bater a marca), o capitão do Alvinegro chegou ao seu sexto duelo seguido sem sofrer gols no Timão. O camisa 12 recuperou o protagonismo de outrora e voltou a ser elogiado até mesmo pelos mais ferrenhos críticos de seu futebol. A melhora tem relação com o resgate da confiança e também com o crescimento do sistema defensivo como um todo sob o comando de Vítor Pereira.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9.9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE