Com 6 boxes destruídos por incêndio, Camelódromo estará fechado nesta segunda-feira

Unidades atingidas vendiam roupas, brinquedos e uma delas prestava assistência técnica para celular

| CASSIA MODENA E GENIFFER VALERIANO / CAMPO GRANDE NEWS


Fogo atingiu comércios que ficavam numa das laterais, de frente para a Rua Fábio Zahran (Foto: Marcos Maluf)

O incêndio que começou por volta das 16h30 deste domingo (11) no Camelódromo de Campo Grande, destruiu completamente seis boxes. A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros após o fogo ser controlado.

As unidades impactadas ficam em frente a dois corredores. A corporação ainda segue no local para trabalho de rescaldo, que vai garantir que o fogo não irá ressurgir.

Os comerciantes dos boxes atingidos foram autorizados a entrarem. Uma representante da categoria estava organizando o acesso, diante da aglomeração de dezenas deles em frente à uma das portas.

O presidente da Associação de Vendedores do Camelódromo, Narciso Soares, disse que os comércios atingidos são quatro que vendem roupas; um que vende brinquedos; e outro que presta serviço de assistência técnica de celulares.

Fechado - O centro comercial estará fechado amanhã (12), segundo Narciso, para que sejam feitos os procedimentos necessários às investigações sobre as causas do incêndio.

Quanto às suspeitas do motivo, o Corpo de Bombeiros avalia preliminarmente que não foi nada proposital, já que nenhum dos boxes atingidos possui sinal de arrombamento. A suspeita é que o superaquecimento e explosão do carregador de um celular ou notebook conectado à tomada, tenha dado início às chamas.

'Nós já tivemos outros incêndios, por isso, sempre temos a precaução de desligar o disjuntor no horário do fechamento. Vamos olhar as imagens das câmeras de segurança para verificar o que aconteceu', disse o presidente da associação.

O representante dos comerciantes lamenta o ocorrido. 'São 473 box, todas com famílias que tiram seu ganha-pão daqui. Ficamos angustiados com essa situação. É algo que jamais se espera', disse. 'Graças a Deus conseguiram acabar. Vamos nos organizar para que não aconteça novamente', finalizou.

Havia dois seguranças no local quando as chamas começaram. Eles tentaram, mas não conseguiram controlar o incêndio com extintores. Usando dois caminhões-tanque, os bombeiros extinguiram o fogo em cerca de meia hora.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9.9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





























































PUBLICIDADE
PUBLICIDADE