Suspeito morto durante assalto em agência bancária tem extensa ficha criminal

João Paulo Rodrigues Guimarães tem passagens pela polícia pelos crimes de roubo, tráfico de drogas e furto e violência doméstica.

| CORREIO DO ESTADO / JOãO GABRIEL VILALBA


João Paulo Rodrigues Guimarães foi morto durante um assalto em uma agência bancária - Fotos/ Divulgações- JP News

O assaltante morto após entrar em confronto com a polícia durante um assalto em uma agência bancária da Caixa Econômica Federal, na madrugada de ontem (12) em Três Lagoas, a 326 quilômetros de Campo Grande, chamava-se João Paulo Rodrigues Guimarães, tinha 28 anos e uma extensa ficha criminal.  

Segundo informações policiais, João Paulo, conhecido na cidade como 'Gogo boy', possui registros criminais que incluem violação de domicílio, tráfico de drogas, violência doméstica, ameaça, adulteração de sinal identificador de veículo e furto qualificado. Alguns desses crimes foram cometidos durante a adolescência.

As últimas passagens do criminoso ocorreram em 19 de outubro do ano passado, quando ele invadiu uma unidade de saúde em Aparecida do Taboado, localizada a 457 quilômetros de Campo Grande.

Conforme o registro policial ao qual o Correio do Estado teve acesso, João Paulo, que residia na cidade, arrombou as janelas da UBS (Unidade Básica de Saúde) Manoel Rodrigues da Silva durante a noite e levou notebooks, um celular e uma televisão de 50 polegadas.

Durante a ação, o local foi completamente revirado. As portas e janelas da Unidade Básica de Saúde foram destruídas, mas ele acabou deixando suas digitais no local, o que possibilitou à polícia localizá-lo. O caso foi registrado na Polícia Civil do município como furto qualificado.

Troca de tiros com a polícia  

Na madrugada de domingo (12), João e mais dois homens tentaram assaltar uma agência bancária localizada na Rua Engenheiro Elviro Mário Mancini, no Bairro Vila Nova. Durante a ação, os assaltantes reviraram todas as gavetas e tentaram acessar os cofres, mas o alarme foi acionado.

A polícia foi acionada imediatamente. Ao chegar à agência, os policiais encontraram os assaltantes e houve troca de tiros com João Paulo durante a fuga.

João foi baleado e desarmado. Ferido, foi encaminhado ao Hospital Auxiliadora, mas não resistiu e morreu.

Durante a checagem de dados, João Paulo estava sem documentos, mas foi identificado horas após. Os comparsas fugiram do local e estão sendo procurados pela polícia. 

Por conta deste assalto, a agência da Caixa Econômica Federal está fechada nesta segunda-feira. O espaço está funcionando apenas para trabalhos internos e provavelmente deve funcionar normalmente a partir desta terça-feira (14). 

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9.9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





























































PUBLICIDADE
PUBLICIDADE